TOP TV WEB

Up Lounge Retorna O Formato Bar Nessa Sexta-Feira (08/01) Com Diferencial Total Para As Regras Da Pandemia.

 Up Lounge Retorna O Formato Bar Nessa Sexta-Feira (08/01) Com Diferencial Total Para As Regras Da Pandemia

No coração da Barra da Tijuca, a Up Lounge Bar é o queridinho do público LGBTQI+

(Divulgação)

O Lounge que completou quase duas décadas de história, volta a funcionar no formato bar hoje. Durante a pandemia, a casa suspendeu suas atividades durante meses, local o qual nos últimos anos estava funcionando somente como boate aos finais de semana, mas para se reinventar com as novas normas de segurança voltou ao seu formato de origem, bar.

Anna Paula Fernandes, sócia proprietária do espaço, conta para gente um pouco do que podemos esperar do bar.

“Up Lounge Bar é um espaço para você se sentir a vontade, com ambientes para todos os gostos. A diversão é garantida com música e shows de humor. Os clientes se tornam nossos amigos, e aqui formamos famílias. Temos diversos casos de amizades que se conheceram na Up e até mesmo namoros e casamentos.” Diz ela.

Ela nos revela o que podemos encontrar na Up nesse novo formato e o seu diferencial para outras casas LGBTQI+, espaço open air.

“O formato da Up Lounge Bar está relembrando os tempos de quando o espaço iniciou os seus trabalhos, há 17 anos atrás. Funcionamos com área open air, que é o único Bar LGBTQI+ no Rio de Janeiro com esse espaço e que faz o nosso diferencial. Temos uma área interna onde ficam os nossos Dj’s, para aqueles que gostam de dançar. Além do nosso espaço único, trabalhamos com drinks da casa feitos na hora em um cardápio único e especial, que só se encontra aqui e maravilhosos petiscos que agradam todos os gostos. Essa sexta teremos na casa Dj’s para animar a noite e trazer diversão com segurança.”

Finalizamos questionando Anna Paula sobre as medidas para o combate da COVID 19 e ela garante a segurança do público e funcionários.

“Esse formato bar voltou por causa da pandemia da Covid19, onde limitamos a nossa capacidade, além do espaçamento e controle dos clientes através do número de mesas em que oferecemos. Infelizmente ou felizmente, quando atingimos a capacidade que denominamos segura para nós e para o público, não liberamos a entrada de mais pessoas, por isso pedimos para que cheguem cedo e se atingimos a capacidade informamos nas redes sociais para as pessoas não irem, pois não irão entrar. Além de álcool em gel disponível em toda a casa, uso de máscara obrigatório e medição de temperatura na porta.” Encerra ela.
 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem