TOP TV WEB

Dia Internacional da Mulher: o auxílio que a tecnologia dá à mulher em tempos de pandemia e escola fechada

   Dia Internacional da Mulher: o auxílio que a tecnologia dá à mulher em tempos de pandemia e escola fechada

(Divulgação)

Depois de um ano de pandemia, o coronavírus evidenciou uma dinâmica que já existe há muito tempo: com frequência, a maioria das tarefas domésticas e da responsabilidade em relação à criação dos filhos cabe às mulheres. Sem escola, plataformas online de conteúdos de educação e aprendizagem foram acessadas e sentiram o aumento de acessos e utilização dos conteúdos propostos.

Marcela Inforzato, diretora geral do Kinedu no Brasil, é especialista em negócios digitais tendo a internet como provedora de soluções e inovação que gera impacto e mudança de comportamento das pessoas e seus hábitos. A fonte pode repercutir sobre o ensino híbrido que, com certeza, deve perdurar por um bom tempo em contexto intermitente das aulas presenciais.

Em parceria com as universidades de Stanford e Harvard, o app que reúne mais de 1.800 atividades cresceu muito na pandemia e tem ajudado as famílias a dar continuidade na aprendizagem das crianças de até 4 anos em casa. No último ano, a startup viu seu número de novos usuários bater 810 mil somente no Brasil. No período de mar/20 a fev/21, 85,5% dos novos usuários brasileiros inscritos na plataforma são mães; 8,5% são pais, 1,6% são avós e 4,4% estão distribuídos entre tios(as), babá e outros.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem