TOP TV WEB

Festival Digital Curta Campos do Jordão promove oficinas de cinema grátis com Ralph Friedericks

   Festival Digital Curta Campos do Jordão promove oficinas de cinema grátis com Ralph Friedericks

(Divulgação)

A partir das 19 horas do dia 24 de março, quarta-feira, o Festival Digital Curta Campos do Jordão – FDCCJ disponibiliza no site www.festivaldigitalcurtacj.com.br,  quatro oficinas de cinema, ministradas pelo cineasta e fotógrafo Ralph Friedericks. Os interessados podem acessar as aulas, gratuitamente. Os temas são: Efeitos Especiais - De Méliès ao Chroma Key, Refilmando a Cena Famosa, Criação de Personagem e Foley - Fabricando os Sons dos Filmes.

Posteriormente, nos dias 26 de março e 26 de abril, às 19 horas, acontecem lives abertas aos participantes e demais interessados para discutir os temas das oficinas, tirar dúvidas e mostrar experiências de alunos, a partir das técnicas apresentadas por Ralph Friedericks nas oficinas. Todas as orientações serão informadas no site e pelas redes sociais do FDCCJ.

 

Em Efeitos Especiais - De Méliès ao Chroma Key, o diretor apresenta a história dos efeitos especiais, desde os primórdios do cinema com o francês Georges Méliès (1861-1938) até a computação gráfica em que o chroma key é ferramenta essencial às cenas de efeito. Ralph também apresenta algumas técnicas de maquiagem e de filmagem para as experiências dos alunos, bastante simples de elaborar e executar.

 

Muitas cenas ficaram para a história do cinema, presentes no imaginário de todos, como a de Os Intocáveis (1987, Brian De Palma), quando um carrinho de bebê desliza pela escada enquanto acontece um tiroteio, ou de Psicose (1960, Alfred Hitchcock), a cena do assassinato no chuveiro. A oficina Refilmando a Cena Famosa aborda as releituras que muitos diretores fazem dessas imagens clássicas da sétima arte, seja como artifício ou homenagem. Ralph também propõe aos alunos o exercício de estudar os detalhes de uma cena inesquecível, observando posições de câmeras, iluminação, planos, trilha, sons e figurino, para recriá-la em outro contexto.

 

Criação de Personagem apresenta uma exposição sobre esta etapa do cinema, fundamental a qualquer boa produção. Ralph Friedericks propõe exercícios com personagens clássicos do cinema nacional e internacional, no qual o aluno deve identificar características que as situem no contexto da história a ser contada: quem é ela, como vive, qual a personalidade, o que busca, qual sua classe social, do que gosta e outros.

 

A oficina Foley - Fabricando os Sons dos Filmes se refere ao estudo da criação de sons em estúdio – sons ambientes (externos, urbanos, floresta etc.), de objetos, de ações, do cotidiano e outros –, apresentado a diferença entre uma cena com e sem sonorização. O professor propõe aos alunos a recriação dos sons para uma determinada cena e também a gravação de outra para exercitar a criação de sons em contextos e significados diferentes, além de dar dicas de aplicativos com sons para audiovisual.

 

Ralph Friedericks (cineasta e fotógrafo) - Estudou fotografia e roteiro em Paris (FR) e Propaganda & Criação no Mackenzie. Alguns de seus curtas-metragens participaram de festivais e foram exibidos na televisão. Foi ganhador do Festival do Minuto com Pontos de Vista e do Concurso de Roteiro da Escola de Escrita Audiovisual de Paris com Cidade Branca. E sócio-diretor audiovisual da Produtora Matiz Filmes e Produções e, há 19 anos, coordena oficinas e workshops de cinema / vídeo e fotografia. Realizou mais de 200 oficinas em locais como Casa de Cultura de Paraty, Sesc, Oficinas Culturais do Estado, MIS - Museu da Imagem e do Som de SP e outros. Há 15 anos, coordena o Cineclube Os Fellinis com encontros mensais para assistir e analisar filmes da cinematografia brasileira e internacional. Frequenta, desde 2013, os encontros da ABC (Associação Brasileira de Cinematógrafos - Diretores de Fotografia) na Cinemateca Brasileira em São Paulo, onde são exibidos longas-metragens brasileiros e comentados pelos profissionais que os realizaram. Estudou a Linguagem da Fotografia na Pós-Graduação da ECA – USP; colabora para a revista francesa Street Art com reportagens fotográficas. Realizou as exposições fotográficas: Regards Sur Venise, no CLE de Paris, e Paris Eu Te Amo em Branco & Preto, na Embaixada da França em Brasília.

 

O Festival

 

A maior parte dos eventos que compõem a programação do Festival Digital Curta Campos do Jordão - FDCCJ acontecerá entre os dias 21 e 28 de abril no formato virtual (e grátis) pelo site www.festivaldigitalcurtacj.com.br. O trabalho de curadoria está em andamento para, no dia 21 de março, divulgar os selecionados, entre os 564 curtas-metragens inscritos de todo o Brasil, conforme previsto no regulamento do festival. Além das Mostras Competitivas de Curtas-Metragens, ainda contam da programação Sessão Especial para as pessoas atendidas pela APAE de Campos do Jordão e Região, e Oficinas de Formação em Audiovisual, ministradas pelo cineasta Jeferson De, pela roteirista e produtora Cristiane Arenas e pelo diretor e professor de cinema Ralph Friedericks.

 

Os vencedores em cada categoria receberão troféu (Prêmio Araucária de Cinema) e prêmio em dinheiro da ordem de R$ 3.000,00. Um dos destaques do festival é o Prêmio Regional para o Melhor Curta produzido na Mantiqueira, Vale do Paraíba e Litoral Norte de São Paulo, tanto para os eleitos pelo Júri Oficial quanto pelo Júri Popular. O Júri Popular - por votação online, a partir de 21/4 - vai escolher o Melhor Curta Nacional e o Melhor Curta Regional. O Júri Oficial também vai eleger o Melhor Curta Regional e será responsável pela premiação dos melhores curtas nas categorias: Ficção, Documentário, Animação, Experimental, Infantil, além da Melhor Direção e Melhor Roteiro Original.

 

Idealizado e produzido pelo Cineclube Araucária de Campos do Jordão (SP), o Festival Digital Curta Campos do Jordão – FDCCJ conta com o apoio da Secretaria Municipal de Valorização da Cultura e do Convention Bureau de Campos e Região. Este projeto, contemplado no Edital ProAC Expresso LAB 40/2020, é realizado com recursos disponibilizados pela Lei Federal 14.017/2020, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e da Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem