TOP TV WEB

Luisa Stefani garante vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão

  Luisa Stefani garante vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão


Paulistana atuará nas duplas com Laura Pigossi, número 2 do Brasil, e disputará sua primeira Olimpíada

Luisa garantiu vaga nas duplas em Tóquio
(Fila / Divulgação)

A paulistana Luisa Stefani, número 23 do mundo nas duplas, recebeu uma ótima notícia nesta sexta-feira (16). Ela entrou na chave de duplas dos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, ao lado de Laura Pigossi, número 2 do Brasil, e disputará pela primeira vez a maior competição de esportes do planeta. Com a vaga confirmada, Luisa embarca neste domingo (18) para a capital japonesa

"Estou sem palavras para descrever minha alegria e emoção quando recebi a chamada que tinha entrado com a Laurinha. Aconteceu muita coisa nesses últimos meses e ano, e sempre tive o objetivo e a garra de disputar essa Olimpíada. Não estava fácil, a princípio não tinha entrado. Receber essa notícia de última hora é indescritível. Vou compartilhar com minha família, meu treinador e todo mundo que se entregou junto comigo para alcançar esse sonho. Será incrível me juntar ao time em Tóquio. E vamos Brasil!" vibrou Luisa,  que tem o patrocínio do Banco BRB e os apoios da Fila, CBT, HEAD, Saddlebrook Academy, Tennis Warehouse e Liga Tênis 10.

Luisa fará apenas um ajuste no calendário para a disputa de Tóquio. Ela não jogará o WTA 125 de Charleston (EUA), onde atuaria em simples. Após a Olimpíada, seguirá para o WTA de San Jose, na Califórnia (EUA), que começa em 2 de agosto, e depois os torneios WTA 1000 de Montreal, no Canadá, Cincinnati (EUA), o WTA 250 de Cleveland (EUA) - em simples - e o US Open. Todos esses com a canadense Gabriela Dabrowski, 14ª do mundo, por conta da lesão no pé da parceira Hayley Carter, que ficará afastada das quadras até o fim do ano.

O tênis na Olimpíada começa no próximo dia 24 e as chaves serão sorteadas na noite da quarta-feira (21), manhã de quinta-feira (22), no Japão.

Carreira - Luisa Stefani, 23 anos, nascida em São Paulo (SP), mora em Tampa, na Flórida (EUA), treinando na Saddlebrook Academy. Cursou a universidade americana de Pepperdine, onde jogou o circuito universitário por alguns anos. Se destacou e optou por trancar a faculdade para disputar o circuito profissional integralmente a partir de meados de 2018. Ganhou destaque nas duplas e começou a colher resultados já em 2019, conquistando um título no WTA de Tashkent, no Uzbequistão, e o vice-campeonato em Seul, na Coréia do Sul, em outubro, com sua então nova parceria, a norte-americana Hayley Carter, terminando o ano perto das 70 melhores do mundo.

Em 2020, conquistou o WTA 125 de Newport Beach, na Califórnia e chegou às oitavas de final do Australian Open. Após a quarentena, comemorou o título do WTA de Lexington, nos Estados Unidos. Terminou o ano como a 33ª do mundo, primeira brasileira no top 40 em mais de três décadas. Começou 2021 com a final no WTA 500 de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, alcançando o top 30 - a primeira brasileira desde 1976 - e chegou à segunda decisão em Adelaide e à terceira em Miami, torneio da série WTA 1000. O vice-campeonato em Miami permitiu que Luisa subisse para a 25ª posição no ranking, o melhor de uma brasileira na história desde que o ranking WTA foi criado em 1975. Como juvenil, também foi destaque, conquistando vitórias em Wimbledon e tornando-se Top 10.

Mais informações:
Instagram: https://www.instagram.com/luisastefani/
Fanpage: https://www.facebook.com/LuisaStefani.Tennis
Marketing/Comercial: Sérgio Oprea - +55 61 98118-9876 -sergio.oprea@terra.com.br - www.zenithmarketing.com.br


Pr: Fabrizio Gallas

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem