TOP TV WEB

Vereador Delegado Palumbo apresenta projeto para colocar fim no comércio ilegal de desmanche e venda de autopeças

Vereador Delegado Palumbo - Foto Divulgação

Apenas estabelecimentos credenciados junto ao Detran poderão desmontar veículos e comercializar autopeças usadas.

O desmanche irregular que movimenta milhões de reais por ano é o mesmo que faz crescer o índice de criminalidade na cidade de São Paulo. O destino de veículos roubados está mãos de receptadores, donos de desmonte. Um ciclo criminoso, que segundo o Vereador Delegado Palumbo (MDB), precisa acabar.

O parlamentar, apresentou um projeto de lei que prevê colocar um fim no comércio ilegal de desmanche e vendas de autopeças.

Precisamos entender que enquanto houver desmanches, haverá o crime organizado. A fiscalização precisa ser de verdade, para que esse mercado clandestino seja extinto”, pontua o Vereador que é especialista em segurança pública.

Pelo projeto, somente os estabelecimentos credenciados junto ao Detran – Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo, poderão desmontar veículos e comercializar autopeças usadas.

O objetivo é corrigir uma lacuna na legislação municipal referente a fiscalização de empresas de desmanches e afins, que estão em situação irregular e impedir promover a indústria do crime.

Dados analisados a partir de boletins de ocorrência registrados pela Secretaria de Segurança Pública, de 2019 até março de 2021 foram 58 mil carros roubados no Estado de São Paulo.

Se dificultarmos o comércio dessas peças, combateremos a criminalidade, é isso que nós queremos, mais segurança para o cidadão de bem”, destaca o terceiro Vereador mais votado de são Paulo.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem